36 coisas que aprendi em 36 anos

o que aprendi

Essa semana fiz aniversário, completei 36 anos e fiquei pensando “que 36 anos bem vividos” rs.

Por isso quis compartilhar aqui o que aprendi nestes meus 36 anos de vida:

  1. Que a minha felicidade depende de mim.
  2. Não importar com comentários negativos.
  3. Não causar inveja aos outros é não contar sobre a sua vida.
  4. Nada dura para sempre. Nem as coisas boas, nem as coisas ruins.
  5. Grandes mudanças começam com um pequeno passo.
  6. Grandes decisões começam pelas mais simples ideias.
  7. Não importa o que eu faça, sempre terá alguém julgando.
  8. Quem não poupa dinheiro ganhando 1 salário mínimo, não vai poupar ganhando 10 salários.
  9. Muitos exigem ética. Poucos a têm.
  10. Amigos são irmãos de alma que escolhemos.
  11. Falar menos e ouvir mais.
  12. Que é possível recomeçar quantas e quantas vezes desejar.
  13. Descobri que sou muito mais forte do que imaginava.
  14. A beleza interior é muito mais bela do que a beleza exterior (e durável).
  15. É possível aprender a ter paciência.
  16. A vida é longa.
  17. A vida é curta.
  18. Ter expectativa baixa faz levar menos tombos.
  19. Aprendi a sorrir, mesmo se não estiver bem.
  20. Que há vários tipos de inteligência.
  21. Viver com menos é possível.
  22. Que há pessoas que adoram cuidar da vida dos outros ao invés de cuidar da própria vida.
  23. Não preciso de muito para ser feliz.
  24. Passamos a maior parte do tempo fazendo coisas que não são importantes.
  25. Se não cuidar, o amor acaba.
  26. Tudo bem se meu corpo não voltar a ser como antes, eu gerei 2 vidas.
  27. Muitos querem um mundo melhor, mas poucos fazem algo sobre isso.
  28. Que 1 decisão errada, pode mudar o rumo da vida para sempre.
  29. A alegria de acordar sem sentir dor.
  30. Aquela pessoa que tem um padrão de vida alto nem sempre tem mais dinheiro do que você.
  31. Muitas vezes a lei do retorno não funciona (“aqui se faz, aqui se paga”).
  32. Guardar os conselhos somente para algumas pessoas. A maioria não querem ou não estão prontas para receber conselhos.
  33. O tempo passa rápido, principalmente quando se tem uma criança por perto.
  34. O amor ensina. A dor também.
  35. As rugas são as experiências da vida.
  36. Felicidade não é o destino. É a jornada.

– Yuka –

Anúncios

17 comentários em “36 coisas que aprendi em 36 anos

  1. Parabéns Yuka! Que você viva intensamente todos os anos que lhe forem proporcionados.
    Gostaria de agradecer por você partilhar comigo (conosco!) suas experiências. Vou fazer 31 anos neste mês, e elas me ajudam muito na construção da minha própria jornada.
    Grande beijo!

    1. Oi Mariana, que isso, eu é que tenho que agradecer por você usar parte do seu tempo precioso pra ler o que escrevo. Tenho matutado há alguns meses, em criar outro blog voltado para educação financeira. Acho que teria muito o que acrescentar. 😊

  2. Quando vi que chegou esse post vim correndo responder kkkk
    Te enviei hoje mensagens de pensamento, mas na verdade resolvi enxugar antes mesmo de ler o seu post de hoje rs
    Que coisa acordei pensativa e no fim eu acabo de resolver enxugar coisas kkkk
    E resolvi ficar somente com o blog e me dedicar a ele, mas primeiro preciso estudar direitinho colocar no papel o que realmente vou fazer nele.
    Valeu por esse post !!!
    Felicidades pelos seus 36 anos, eu to com 44 anos e as vezes esqueço a idade que tenho kkkkk.
    O tempo passa mesmo sem queiramos ou percebemos por isso preciso viver melhor meus aninhos que ainda estão por vir e acho que fazer detox como vc diz é a melhor forma de viver bem os anos que ainda estão por vir!
    Obrigada pelo post!
    E receba meu abraço de parabéns e muitos anos de vida bem vividos com muita saúde e alegrias e muito amor !!!

    Dri 🙂

  3. Gostei, Yuka!!
    Vou até imprimir e ler de vez em quando! Mas a principal, que mais me tocou, foi que “Não importa o que eu faça, sempre terá alguém julgando.”!!!
    Eu me julgo demais, ou melhor, acho que faço isso porque presto muita atenção ao julgamento que as pessoas fazem. É uma tortura viver assim!
    Obrigada!

    1. Eu também me importava demais com o julgamento dos outros, mas não importa o que eu faça, quem não quer me compreender, vai me julgar de qualquer forma. Então já que vai ser assim, passei a fazer do meu jeito, do jeito que eu acho certo. A maioria das pessoas, só nos conhece em partes. Pode ver, quem faz mais perguntas, quem julgam mais, são as pessoas que não nos conhecem de verdade (e isso inclui família). Se compro demais, ah mas você está mimando sua filha. Se compro de menos, ah mas você é uma mão de vaca rsrs. Então minha querida Silvia, o esquema é ser feliz do nosso jeito.

      1. Você está certa, Yuka.
        Gostei de sua resposta, elas de certa forma vão me dar bastante conforto, um conforto bem necessário no momento!
        Bjs

  4. Parabéns Yuka!! Tb tenho 36 e estou muito nessa mesma vibe! É muito libertador quando nós tomamos as rédeas da nossa própria vida amando a nós mesmos!!! Esteja sempre conosco!!!

  5. Yuka,

    Parabéns! Desejo-lhe muitas felicidades.
    Gostei muito das coisas que você citou, pois todas são importantes para o equilíbrio e o contentamento.
    “Viver com menos é possível.” – É legal ver que o excesso das gerações anteriores têm feito com que os mais novos pensem de outra forma.

    Abraços,

  6. Meu Deus,que lindeza de post. Eu estou quase te alcançando,faço 36 em janeiro de 2018 e assino embaixo de tudo que você disse aí. Ultimamente tenho pensado muito na questão do cuidar, se não cuidar, o amor acaba. Preciso cuidar mais do meu amor e ser mais cuidada por ele. Ainda espero gerar mais uma vida,rsrsrsrs. Seu blog é maravilhoso! Parabéns pelo aniversário,pelos 36 anos,pelas 36 coisas aprendidas até aqui e por muitas que ainda vai aprender! Beijo! ♥

Os comentários estão encerrados.