A vida é longa para quem consegue viver pequenas felicidades

girassol

Sempre ouvimos que temos que aproveitar cada minuto da nossa vida, pois a vida é curta. Inclusive, li outro dia na internet de que os dias são longos, mas os anos, curtos.

Concordo na parte de que temos que aproveitar cada minuto da vida, mas você já parou para pensar como a vida é longa?

A vida sempre deu e continua dando chance para recomeços.

Eu comecei e terminei relacionamentos, troquei de empregos, mudei hábitos, passei a entender melhor algumas pessoas, comecei a compreender meus medos, minhas angústias, minhas inseguranças, passei a acolher meus defeitos e a me orgulhar dos meus feitos.

A vida é um eterno recomeço. Todos os dias ao acordar, eu sei que tenho a chance de mudar alguma coisa da minha vida.

Quantas pessoas você conhece que já recomeçou?

Eu conheço muitas. Pessoas que correm atrás dos sonhos. Lutam pelo que acredita. Tropeçam e levantam inúmeras vezes sem medo de serem julgadas.

Eu quero ser daquelas pessoas que ao olhar para trás, tenha orgulho dos vários recomeços. Dos vários tropeços. Das diversas conquistas.

O tempo, diferentemente do dinheiro, não pode ser poupado para ser usado depois. Ou usa-se, ou perde-se.

“Você só vive uma vez, mas se viver direito, uma vez é suficiente.” – Mae West

Sempre que falo sobre tempo, lembro do comercial do cartão Visa que passou no final de 2003. Faz 14 anos que esse comercial passou na televisão, mas continua presente na minha memória:

 

“Dizem que a vida é curta, mas isso não é verdade.

A vida é longa para quem consegue viver pequenas felicidades.

E essa tal felicidade anda por aí, disfarçada, como uma criança traquina brincando de esconde-esconde.

Infelizmente, às vezes não percebemos isso e passamos nossa existência colecionando nãos: a viagem que não fizemos, o presente que não demos, a festa que não fomos, o amor que não vivemos, o perfume que não sentimos.

A vida é mais emocionante quando se é ator e não espectador; quando se é piloto e não passageiro, pássaro e não paisagem, cavaleiro e não montaria.

E como ela é feita de instantes, não pode nem deve ser medida em anos ou meses, mas em minutos e segundos…

Porque a vida é agora.”

~ Yuka ~

Anúncios

12 comentários em “A vida é longa para quem consegue viver pequenas felicidades

  1. Talvez esteja meio fora do contexto do post, mas vou contar uma coisa estranha que está acontecendo comigo. Tenho desacelerado meu ritmo desde meados do ano passado, e isso me trouxe enormes benefícios. Esse mês, depois de mais de um ano de espera, consegui transferência para um setor muito tranquilo, onde lido mais com papéis (adoro) do que com pessoas (o que realmente me estressa), e agora tenho um horário diferenciado, que me deixa com bastante tempo livre, que era o que eu realmente queria. Não é ótimo? SIM! Mas acontece que eu comecei a ter aquele sentimento de que estou sendo improdutiva demais, que poderia estar fazendo outras coisas nesse tempo livre!!! Para tudo!! Acredito que eu esteja assim porque trabalhei muitos anos em um ritmo frenético. Eu preciso desse tempo. Preciso ficar sem fazer nada, me reequilibrar, desestressar. Algumas pessoas já comentaram que eu estou diferente, mais leve, alegre e paciente. Sei que já mudei um pouco. Agora só preciso sossegar a cabeça que já quer me levar de volta pro ritmo antigo….

    1. Oi Camila, entendo perfeitamente o que está passando e vou te contar o por quê. Assim como você, eu também trabalhava numa área frenética, que exigia muito de mim. Para você ter uma ideia, já fiquei muitas vezes sem almoçar ou ir ao banheiro porque simplesmente o ritmo era alucinante. Quando me transferi para uma unidade mais tranquila, mais perto de casa, mais perto do metrô, eu ganhei qualidade de vida, mas por uns 6 meses eu sentia que faltava alguma coisa. Lembrava inclusive da outra unidade com muita saudade. Até hoje sinto saudade, mas com o tempo, compreendi que eu não estava entregando menos trabalho, eu continuava trabalhando, mas desta vez ao invés de ficar apagando o incêndio, eu tinha a oportunidade de rever processos e procedimentos para otimizar ainda mais o trabalho. Com a alma mais tranquila, passei a ter mais tempo para pensar em mim, correr atrás do auto-conhecimento, estudar assuntos que gosto, inclusive engravidar, etc. Posso dizer que hoje eu me conheço muito mais, e desacelerar no trabalho foi fundamental. Então, Camila, não se preocupe com essa sensação estranha que você tem sentido, pois é super compreensivo. E você vai ver, se hoje estão falando que você está diferente, mais alguns meses e as pessoas vão falar que você está mais bonita. Sim, porque leveza na alma transparece no ombro erguido, na pele brilhante, no olhar radiante e no sorriso. Um beijo!!!

  2. É verdade! Por que só nós lembramos das coisas negativas? Faz muito mal para o nosso bem estar psicológico, além disso esses pensamentos viram um hábito tão enraizado que não conseguimos pensar e valorizar as coisas boas que acontecem!

  3. Yuka,

    Muito bom seu post, gostei e me identifiquei demais do título. Conheci seu blog hoje e já assinei a newsletter.
    Realmente, a vida é longa para quem consegue vivê-la de verdade e não apenas existir (isso é o que a maioria faz).

    Eu sempre tive uma consciência muito clara sobre o tempo ser um bem irrecuperável que temos. Se não usou direito, não há uma segunda chance. Por isso é muito importante sabedoria. E aqui, quanto menos coisas tivermos, mais tempo teremos para o que realmente importa, como você diz no logotipo do seu blog.

    Se quiser conhecer meu blog, lá tenho várias reflexões sobre o tempo, a vida, etc.

    Abraços,
    Rosana

  4. Nossa!!! Tudo tem uma hora certa e seu blog veio no momento certo em que estou buscando informações e “vivenciando” sobre o minimalismo… que presente te encontrar…. grata demais… linda terça!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s