Como ter uma cozinha com poucos objetos

A leitora Janaína havia me pedido na semana passada um post especial sobre como podemos ter cozinhas minimalistas, já que a cozinha (e o guarda-roupa) é um lugar onde geralmente acumulamos muitos itens.

Eu já andei destralhando meu guarda-roupa, esmaltes, sapatos, maquiagens, itens de papelaria, despensa, mas ainda não terminei 2 lugares da casa: a cozinha e o atelier (o atelier está organizado, mas ainda acho que posso reduzir bastante coisa).

Bom, vamos para a cozinha?

Vou tentar mostrar aqui, como eu me organizo nas louças, panelas da cozinha, copos, etc.

Para manter a ordem na cozinha, eu sempre me atento a estes detalhes aqui:

1.) Louças brancas, design simples, sem estampas. O colorido vem dos acessórios como toalha de mesa e jogo americano. Desta forma, acho mais fácil compor a mesa, não enjôo das estampas e todas as louças combinam com outras louças:

IMG_2269.JPG

IMG_2270.JPG
Olha a xícara que eu usei para decorar a mesa do meu casamento. Escrevi neste post aqui.

2.) Os talheres também seguem o mesmo raciocínio:

design simples, sem desenho, sem relevo. Fácil de lavar, fácil de enxugar:

IMG_2271.JPG

3.) Gosto de travessas de madeira. Dá um charme danado na mesa, coloco frutas, saladas, pão:

IMG_2272.JPG

IMG_2273.JPG

IMG_2274.JPG

4.) As panelas encaixam uma na outra para não ocupar espaço:

IMG_2276.JPG

IMG_2275.JPG

5.) As travessas também se encaixam uma na outra, não ocupando espaço. Uso para fazer bolinho de chuva, colocar salada, empanar alguma coisa, lavar arroz…:

IMG_2277.JPG

IMG_2279.JPGIMG_2278.JPG

6.) Porta-temperos: pode parecer muitos temperos para alguns, mas uso todos eles com bastante frequência:

IMG_2281.JPG

IMG_2282.JPG

7.) Cumbuquinhas que adivinhem? Também se encaixam uma na outra. Uso para colocar salada individual, suflê individual, sorvete, doces em geral, frutas cortadas, feijão em porção, farofa…:

IMG_2287.JPG

IMG_2288.JPG

8.) Também tenho meus acessórios que adoro. Da esquerda para direita: amolador de faca (muito prático, comprei na Daiso), espremedor de limão, alholino (é o melhor espremedor de alho que alguém pode ter), pinholino (para descascar pinhão), termômetro para saber se o ovo está cozido, descascador de legumes (também comprei na Daiso), espátula pão-duro (da Daiso):

IMG_2283.JPG

9.) Aqui tem o galheteiro e o porta-guardanapo. Comprei em períodos diferentes, mas sempre tento comprar algo com design simples:

IMG_2284.JPG

10.) As toalhas de mesa:

IMG_2289.JPG

11.) E os jogos americanos:

IMG_2290.JPG

Ainda tenho mais coisas como eletroportáteis, frigideiras, copos, enfim, não deu para mostrar tudo, senão o post iria ficar muito pesado, mas espero que tenha dado para entender a minha sistemática. Geralmente compro louças brancas e acessórios coloridos. Dificilmente uso um objeto somente para um único uso. Tento analisar os objetos com muito carinho para utilizar para outros fins, como escrevi neste post aqui. Potes, travessas e assadeiras encaixam uma na outra como assadeiras.

Ah, uma coisa muito importante. Eu não tenho louças diferentes para visitas e louças para o dia a dia. Uso a melhor louça para servir a minha família. Uso as toalhas de mesa mais bonitas para o dia a dia. Ou seja, eu não costumo guardar nada para ser usado depois.

Acho que é isso.

Beijos.

~  Yuka ~

Anúncios

23 comentários em “Como ter uma cozinha com poucos objetos

  1. Oi Yuka! Sempre bom passar por aqui! rsrs
    Me casei recentemente, e acabei não pedindo nada de presente de casamento. Porque sabia que iria pedir coisas só pra poder encher a lista de presentes. E como passei a morar em uma kitnet, o meu problema torna-se um pouco mais crítico rsrsrs. Eu simplesmente fiz da seguinte maneira: à medida que eu ia precisando dos utensílios, comprava. Já estou lá há três meses, e cozinho todos os dias mas tenho pouquíssimos objetos. E sempre compro pensando em múltiplas utilidades. Por exemplo, comprei uma panela que cozinha no vapor, faz pudim e posso utilizar para macarrão, risoto, carne de panela…. o utensílio de valor que tem dentro dela utilizo para inúmeras funções.
    Senti falta das cumbuquinhas que você tem.. vou comprar, pois ela serve tanto para sobremesa, café da manhã, sopas… Penso muitíssimo mesmo, vejo minhas receitas e se o objeto realmente vai fazer falta ou se não dá pra fazer com o que eu já tenho em casa. Acho que esse é o segredo: mais de uma função para um mesmo objeto.
    Suas dicas são extremamente válidas! O espremedor de alho estava na lista, adorei o modelo q vc mostrou!

    1. Oi Mariana. Você foi muito esperta em comprar os itens somente depois de sentir necessidade de uso. Assim, não acumula itens desnecessariamente. Eu já comprei alguns espremedores de alho que foram para o lixo… Esse eu recomendo, tira tanta polpa do alho, que não sobra quase nada para limpar. É um dos meus itens preferidos do momento. Até comprei um para a minha mãe e para a minha sogra. Beijos!

  2. Yuka, querida!
    Acho que é isso mesmo que você postou. Creio que uma cozinha minimalista passe impreterivelmente por achar mais de uma utilidade em um único equipamento.
    Me casei recentemente, e não pedi presentes nem lista de casamento porque sabia que ia pedir coisas desnecessárias só para poder aumentar a lista. Estou comprando os utensílios à medida em que vejo necessidade. Estou há três meses no meu apartamento, cozinho todos os dias e comprei tão pouca coisa que me surpreendi ao ver que não preciso de tantas coisas que todos falam que é básico se ter em uma cozinha. O espremedor de alho está na lista, e gostei muito da sua dica! Obrigada!

  3. Oi Yuka.. Nossa que felicidade ver que você atendeu meu pedido! 😍 A ideia das louças brancas é ótima mesmo, super prático, combina com tudo, já estava nos meus planos. Ainda não tinha pensando nas travessas e panelas se encaixarem, ideia muita válida! Ha… sobre meu comentário no post passado, ele foi cortado mesmo. Eu estava dizendo que estou construindo minha casa e comprando as coisas aos poucos, mas pensando muito, pra não comprar coisas desnecessárias. Obrigada pelo post! Adorei! Grande abraço! 😘

    1. Oi Janaina, obrigada pela sugestão de post. Que bom que você gostou. Vá comprando as coisas devagar mesmo, pensando muito, pra depois não precisar descartar e consequentemente gastar dinheiro à toa. Tenho feito isso também. Beijos.

  4. Oi Yuka, gostei muito das suas dicas! Tenho dificuldades com louças coloridas e essa ideia de louças brancas super gostei, resolve muitas coisas, fica harmônico com as toalhas e talheres, e flores. Eu sou casada a alguns anos e estou fazendo o caminho inverso, tinha muitas coisas sem uso, e agora depois de um destralhe, estou usando tudo que tenho, acabou a história de separar peças para usar depois ou para usar quando recebo visitas! Obrigada!

    1. Oi Andreia! Eu também guardava muitas coisas, até que eu me divorciei no meu primeiro casamento e tinha um jogo de jantar que eu nunca tinha usado, para poder usar em “ocasiões especiais”. Aquilo foi uma grande lição pra mim. Agora, todos os dias são dias especiais. Beijos.

  5. Post maravilhoso!! Tenho o problema de comprar vários jogos de jantar, por exemplo, porque um é mais lindo que o outro, e depois compro copos pra combinar, e assim vai… Mas ultimamente tenho me policiado, e estou me reeducando. É incrível como podemos viver com menos!! Beijos muitos, flor. Adriana

  6. Oi Yuka! Conheci seu blog hoje e adorei tudo o que vi! Eu estou passando por fases de destralhamento (até foi assim que encontrei seu blog pelo google, hehe) e você tem dicas ótimas! Certamente vou passar um tempinho aqui lendo tudo e voltarei para conferir seus novos posts também. 🙂
    Eu sonho com o dia que minha mãe fará uma intervenção na cozinha dela! Sério, são muitos jogos de louças, de panelas, faqueiros para todos os tipos de ocasião, etc, etc. E eu também estava indo pra esse caminho, coisa que não faz sentido, né? Minha cozinha agora está perfeita porque eu me mudei recentemente e decidi começar do zero, desapegando total de algumas coisas – até porque minhas coisas eram velhas e não combinavam (ganhei os refugos da família inteira quando me mudei pra fazer faculdade, hahah).
    Quanto ao porta temperos, eu entendo muito bem! Comprei um lindo com 12 espaços, mas já estou sentindo a necessidade de outro porque a cozinha se tornou um espaço de terapia e eu adoro deixar minhas refeições saborosas.
    Parabéns pela sua organização e por ser tão consciente.
    Beijos,
    Bruna

    http://www.moderando.com

    1. Oi Bruna, fico feliz que tenha gostado do blog. Eu ainda tenho algumas coisas para me desfazer, só não destralhei de uma vez porque gastei dinheiro (e tempo de vida trabalhando). Por exemplo algumas maquiagens, algumas roupas. Então estou esperando terminar de usar e depois ficar apenas com 1 hidratante, 3 a 4 batons, etc. Também já ganhei muita coisa da família rsrs, na minha época da faculdade. Ajuda muito né? Adorei seu blog. Um grande beijo!

  7. Adorei o post. Faço a mesma coisa com relação às cores, designers. A dificuldade é das peças se encaixarem. Tenho pouca coisa com um volume considerável. Muito, muito bom. Atentarei para isso. 🙂

  8. Oi Yuka! Estou buscando uma nova faca do chef, boa, afiada, multiuso, pois a minha deixa a desejar. Como há algumas muito caras, ainda não me decidi se vale a pena comprar. Então me lembrei deste seu post… Mas não fala de facas. Você recomenda a que você tem (deve ter)?
    Obrigada, Mayris

    1. Oi Mayris, eu não tenho muita dica sobre facas, pois uso uma faca normal. Mas posso te dar uma dica em relação a amolador de facas! Antigamente, eu tinha aquele amolador tradicional, que parece uma barra. É pesada e nunca aprendi direito como usar, principalmente porque tinha preguiça. E daí comprei (veja na foto do item 8) o amolador de faca da Daiso. Olha, minhas facas estão sempre afiadas. Quando corto um tomate e vejo que a faca está com o corte ruim, eu só dou umas 3 passadas nesse amolador e a lâmina já volta a ficar boa. Talvez esse seja o segredo. Um beijo!

      1. Obrigada pela dica. Recentemente comprei um afiador parecido, e o usei algumas vezes, mas não havia visto muita melhora no fio da faca, daí eu resolvi passar umas 50 vezes rssss, o que melhorou o corte. Vou avaliando se vale a pena comprar outra ou não… para o momento foi bom não gastar com algo que já tenho 😉

  9. Olá!
    Conheci seu blog hoje numa grupo sobre​ minimalismo do qual faço parte e confesso que estou encantada! Sobre seu comentário quanto a usar o melhor para sua família, concordo em gênero, número e grau. Acredito que estar viva é uma ocasião especial, por isso devemos aproveitar ao máximo o momento presente, pois se deixarmos para depois, a tal “ocasião especial” pode nunca chegar.
    Um grande beijo e parabéns pelo blog!

    1. Oi Andressa, fico feliz que esteja gostando do blog 😍. Nem sempre eu fui assim, de usar as coisas boas pra família. Eu guardava tudo, só que percebi aos poucos que o melhor dia para se usar as coisas bonitas é hoje, é todo dia. Hoje se eu compro uma roupa, e se tiver vontade, já saio da loja vestida com a roupa nova. Conheço pessoas que têm jogo de jantar que ganhou como presente de casamento guardado há mais de uma década. Ao invés de deixar guardado, que delicia seria usar todos os dias. Aposto que a pessoa que deu o presente também iria gostar muito. Um grande beijo, e bem-vinda ao blog.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s