Você complica sua vida?

Captura de Tela 2016-03-23 às 18.00.42

Como vocês sabem, estou tentando descomplicar cada vez mais a minha vida e a rotina que me cerca. Tenho avaliado que muitas das nossas dores de cabeça e falta de tempo vêm das decisões erradas que tomamos ao longo do dia de forma inocente e muitas vezes inconsciente.

Um simples passeio por uma loja de enxovais para cama, mesa e banho pode trazer mais trabalho no seu dia-a-dia como pode ler neste post.

A compra de um lindo carrinho de bebê super equipado pode fazer com que o carro precise ser trocado (por um modelo com um porta malas maior), pagar um IPVA mais caro, um seguro mais caro, ter um gasto maior de gasolina, mais dívidas.

Comprar roupas de tecido chatinho vai fazer com que eu passe mais tempo com o ferro de passar roupa.

Casas muito decoradas com bibelôs, lembrancinhas de viagens, objetos de decoração pode ser lindo. Mas haja paninhos para tirar a poeira de tudo.

É um exercício tentar simplificar a rotina, sem prejudicar o resultado final.

Tenho feito algumas coisas que podem até deixar algumas pessoas de cabelo em pé, mas é inegável que minha vida anda leve mesmo com uma bebê em casa.

– Muitas das minhas roupas não precisam ser passadas a ferro, pois são peças de tecido molinho que não amassam. Roupas que fico em casa também não são passadas.

– Também não passo toalhas de banho, lençol, fronhas, panos de prato.

– Quando lavo as cortinas, protejo os ilhoses em um saco e coloco na máquina de lavar roupa. A máquina lava, enxagua e centrifuga pra mim. Ao invés de estender no varal, eu já coloco a cortina de volta no bastão para secar desse jeito e abro bem as janelas para arejar. O próprio peso da cortina úmida vai deixando o tecido bem esticado (essa eu aprendi com a minha mãe).

– Sempre que for lavar a louça, eu guardo a louça anterior, pois geralmente está seca ou quase seca. Desta forma, o próprio tempo faz o trabalho de enxugar as louças.

– Também decidi gostar das pessoas que gostam de mim, já que ficar agradando pessoas que nem gostam tanto de mim era muito cansativo. Hoje eu penso assim, se a pessoa fica brava comigo ou não faz questão da minha amizade, quem está perdendo é a pessoa, porque eu sei que sou uma pessoa super legal e muito amiga. Depois que passei a pensar desta forma, parei de ficar chateada, ou magoada. É um direito que a pessoa tem, mas reservo o meu direito de ser indiferente também.

– Eu tenho um vestido lindo, de tecido super leve. Toda vez que bate um vento ou pegava o metrô, tinha que segurar a barra da saia para não levantar. Até que comecei a colocar um shortinho preto. Pronto! Eliminei uma preocupação.

– Se o mercado está caro (e está mesmo!), ao invés de reclamar, eu prefiro analisar de que forma posso gastar o mesmo valor sem comprometer na variedade e qualidade dos alimentos.

– Se o metrô aumentou, faço algumas contas até descobrir que o bilhete mensal não sofreu reajustes, passando a compensar e muito no meu caso. Pequenos trechos que eu costumava fazer a pé, agora faço de metrô, e ainda economizo tempo.

– Se percebo problemas no meu serviço, tento resolver o problema, mas quando vejo que as decisões não dependem de mim, paro de me preocupar e me preparo para adaptar à nova situação.

Sabe, são esses pequenos incômodos do dia-a-dia que eu tento resolver. E quando percebo, a minha vida está mais leve.

Parecem ser pequenas tarefas, pequenas preocupações, que quando juntas, tem um poder de nos deixar com rugas no rosto.

A gente tem o costume de falar que a vida é complicada demais. Mas já parou para pensar que muitas vezes somos nós que complicamos a vida?

~ Yuka ~

Anúncios

11 comentários em “Você complica sua vida?

  1. Acho que faço as mesmas coisas que você 🙂 Decidi começar a focar no importante há uns 3 anos , está sendo um longo processo … estou gostando.

    – parei de ter muitos sapatos, tenho poucos, eles estragam mais rápido pq uso bastante, aí compro outro e desapego do antigo, simples, melhor q ter MTS e me preocupar com espaços , combinações ….

    – tenho uma boa bolsa básica preta de couro, e só ela. Uso ela pra tdo, combina com tudo e não perco tempo trocando de bolsa.

    – desisti de esmaltar as unhas. Meu formato de unha e textura não favorecem a esmaltação. Não fica tao bonito , nem tão duradouro. Aceitei unhas limpinhas , e no toco. Quando tem casamento compro umas postiças autocolantes (impress), depois posso tirar e jogar fora. Rápido e em menos de 5 min faço a unha quando estritamente necessário (no caso faz mais de 1 ano q usei)

    Eletrônicos me desfiz de praticamente todos q não uso com muita frequência , mais espaço e menos tralha….

    Passei a usar óleo de coco pra tudo … tirar maquiagem. , Hidratas pés …. enfim … 1 produto só. Mil utilidades, menos trabalho de procurar coisas e mais facilidade ….

    Enfim pequenas mudanças estão transformando minha vida.

    Obrigada pelo blog.

    1. Oi Bia, que legal essa dica de tirar maquiagem e hidratar os pés com óleo de coco. Eu tenho um potinho que está encostado e não sabia que utilidade dar… Vou testar hoje mesmo. Em breve, vou me mudar para um apartamento de 2 dormitórios. O apartamento não é grande, o que pra mim é uma coisa boa. É a oportunidade que tenho de desfazer de mais coisas que não uso. Quanto menos coisas, menos preocupações e menos trabalho para manter aquilo em caso. Parabéns pelo seu estilo de vida. Um beijo!

  2. Apesar de ja ter feito algumas mudanças considerável na minha vida, nunca parei para pensar a fundo o que vem me atrapalhando, ler esse post de abriu os olhos. Ja tenho algumas ideias, principalmente em relação ao meu guarda roupa e ja tenho posto em prática.Bjs

    1. Oi Susany, fico muito feliz que esse post ajudou de alguma forma. Eu sempre fico pensando de que forma eu posso facilitar minha vida sem interferir na qualidade. Um beijo e boa sorte.

  3. Faço quase tudo como você. Mas gostei bastante da dica da cortina! Isso eu não fazia. Também dou preferência a tecidos que não precisem passar, ou que levem pouco tempo pra passar, até dei algumas blusas que nunca usava porque precisava passar…
    Simplificar a vida é uma prática diária, e vamos aos poucos descobrindo como fazer isso.

    1. Oi Priscila, eu adoro ficar pensando de que forma posso facilitar a vida. Essa de lavar e já pendurar a cortina é ótima, tanto que eu nunca precisei passar uma cortina a ferro. Beijos.

  4. A vida fica complicada quando permitimos que as complicações nos afetem e nos impeçam solucionar aos poucos os problemas! Olha, estamos com 34 semanas de gravidez gemelar de alto risco e decidimos não deixar o apto. que alquilamos faz 8 anos porque fica 10 minutos do hospital que se especializa no meu tipo de gravidez e, por não ter carro, dependemos de taxis ou Uber. Armamos no nosso quarto (o apto. tem só 1 quarto) os berços dos bebês na sexta passada. Um par de dias depois o dono nos liga para avisar que perdeu o apto. para as irmãs e que temos 90 dias para sair. Poderíamos ficar loucos pensando em que temos um mês para ter os nossos bebês, um mês para nos conhecermos e um mês para sair. O que começamos a fazer? Ver as coisas que temos e que não necessitamos e as coisas que necessitamos de verdade: roupas, livros, eletrônicos, móveis, tralhas de diferentes tipos…Então, quando chegarem os bebês, teremos mais espaços para eles. Quando chegar o momento de nos mudarmos, será muito mais fácil com menos coisas. Vamos buscar um apto mais perto do serviço do meu marido já que ficarei sete meses fora do meu (dos quais 3 não receberei salário), gastaremos menos e provavelmente conseguiremos ter um quarto a mais por menos dinheiro. E assim, as complicações se transformaram em oportunidades :-).
    PD: Eu faço meus próprios cosméticos. O óleo de coco+óleo de amêndoa (não esse de farmácia, ok?)+ manteiga de karité+óxido de zinco= hipoglós para sua bebê e serve para qualquer feridinha que ela tenha e precise cicatrizar; serve para adultos também. Óleo de amêndoas= para tirar sua maquiagem (eu tenho pele mista, o óleo de coco fica muito oleoso para mim). Óleo de coco+flores de caléndula (macerar por 1 hora a banho maria)+manteiga de cacau (filtrar o óleo)= creme hidratante e cicatrizante para os mamilos se estiver amamentando. Eu já fiz minha caixa de produtos para os bebês e para mim! Vc faz uma bela economia e sabe exatamente o que vc coloca na sua pele e a do seus filhos!

    1. Acho que quem consegue ter otimismo e enxergar o lado bom das coisas, consegue levar uma vida mais leve. Você tinha tudo para se estressar, mas não, você conseguiu enxergar oportunidades. Outro dia eu tropecei e ralei feio os meus joelhos. Fiquei feliz por não ter ralado o meu rosto rsrs.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s