Vivemos na era do excesso de exibição

peixe_tubarao

Na minha opinião, esse excesso de exibição é um saco.

Sem perceber, a maioria das pessoas colaboram e sustentam esse sistema vicioso que é o excesso de exibição ao postar a vida nas redes sociais com o intuito de enaltecer o próprio ego e fazer auto-promoção para mostrar o quanto é feliz, que tem uma família unida, filhos maravilhosos e perfeitos, ou que está no aeroporto prestes a viajar, que freqüenta um restaurante bacana, mostra foto do seu amor eterno, dos seus vários “amigos”… É uma vida narcisista. É uma competição silenciosa de quanto mais curtidas, mais “popular” a pessoa se torna.

Comprar (ou ganhar) algo e postar nas redes sociais, traz status. Viajar e mostrar as fotos dos momentos especiais, provoca inveja. Doar sangue e tirar uma foto para postar nas redes sociais faz de você uma pessoa altruísta. Fazer (ou receber) declarações de amor nas redes sociais torna você uma pessoa especial.

Olha meu namorado novo! Olha o anel de noivado que eu ganhei! Olha o carro que eu comprei! Olha pra onde eu viajei! Olha como pareço ser inteligente! Olha como pareço ser feliz!

As pessoas vão criando uma imagem do que você quer que as pessoas pensem. Acham você rico, acham você extrovertido, acham você aventureiro, acham que tem uma vida perfeita, etc, mas muitas vezes o que se publica não condiz com a realidade.

Parece que as pessoas levam uma vida que parece ser uma eterna festa, uma felicidade ininterrupta, uma alegria exagerada.

Eu conheço muitas pessoas que parecem ser felizes nas redes sociais, mas que na vida real não é bem assim.

Eu sempre tive muita clareza de que a vida das pessoas não é um mar de rosas como parece ser. Por isso, quanto mais discreta é uma pessoa, mais valiosa ela se torna pra mim. Um rico que não ostenta, recebe o meu respeito. Um marido que cuida da esposa ajudando nas tarefas de casa ganha um milhão de pontos a mais do que um marido que faz declaração de amor em público. Uma pessoa que faz trabalho voluntário sem divulgar isso para ninguém, merece a minha admiração.

Ao invés de viver de postagens para PARECER feliz, prefiro me concentrar na vida real para SER feliz.

~ Guta ~

Anúncios

10 comentários sobre “Vivemos na era do excesso de exibição

  1. Pingback: Retrospectiva dos meus posts de 2015 | VIVER SEM PRESSA

  2. Parabéns pelo texto. Amei suas palavras, pois expressa bem o que penso sobre o assunto, sobre como as pessoas estão mais preocupadas em parecer feliz do que ser feliz.

  3. Perfeito o seu texto. Apesar de eu ter uma rede social (instagram) concordo 100% com vc. Normal é postar o que se come, a roupa que veste, os lugares onde vai. Isso tudo é tão cansativo! Quando percebo que estou entrando nessa “modinha”, tento me policiar pq não quero fazer parte disto. Estou gostando muito do seu blog. Muito enriquecedor. Abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s