Facilitando a troca de fraldas

IMG_5225

Considerando que uma mãe (ou pai) de um recém-nascido troca umas 8 fraldas por dia (às vezes até mais), fiquei pensando de que forma poderia facilitar e tornar mais prática as trocas de fraldas.

Pensei em comprar um trocador para colocar em cima da cômoda, mas como eu não gosto de fazer as coisas em pé, o que deu mais certo para mim foi montar uma Cesta para Troca de Fraldas para poder trocar em cima da cama. Esse cesto me dá a liberdade, inclusive, de fazer as trocas em qualquer cômodo da casa (em cima da cama, no sofá, no colchonete etc) já que tenho tudo o que preciso sempre em mãos.

Sem esse cesto, eu ficava um pouco perdida, porque uma hora o creme estava no banheiro, outra hora na sala, ou esquecia de pegar a fralda limpa e até juntar tudo, o algodão molhado com água já estava frio.

Esse cesto compõe de:

  • Pote onde guardo algodão
  • Fraldas descartáveis
  • Álcool em gel para fazer a assepsia das mãos, caso necessário
  • 1 garrafa térmica com água morna
  • Toalha pequena para enxugar as mãos, caso necessário
  • Potinho para colocar a água morna
  • Creme anti-assaduras

IMG_5224

IMG_5226

IMG_5228

IMG_5227

O trocador portátil eu deixo dobrado do lado do cesto.

Primeiro eu estendo o trocador portátil em cima da minha cama.

Pego a garrafa térmica e despejo um pouco de água morna no recipiente, molho o algodão e limpo a bebê, passo o creme anti-assadura, coloco a fralda e pronto.

Se precisar secar a minha mão, uso a toalha pequena.

Tudo num único lugar!

~ Yuka ~

Anúncios

12 comentários sobre “Facilitando a troca de fraldas

  1. Oi, Guta
    Primeiramente, PARABÉNS pelo nascimento de sua filhinha, meus melhores desejos de felicidades, alegria e amor para vocês todos, você, o papai e essa bebê .
    Acompanho o blog há algum tempo e gosto do jeito que você escreve .
    E, ao mesmo tempo, já vou dizendo que acho que você esqueceu de fazer ou publicar um post antes deste último, o 20.07.2015 Facilitando a troca de fraldas : faltou o post sobre o nascimento da sua filha, contando tudo : em que dia foi o nascimento, em qual hospital, quem estava presente, as fotos, o nome, etc . ou seja, acho que você atropelou o assunto : não disse que a criança nasceu e postou como está lidando com a novidade, já vai postando o dia-a-dia dela … uma vez que o post anterior a este é o 13.07.2015 Como aproveitar o batom até o final e o anterior a este também não faz referência ao parto/nascimento … acho que ficou desconexo .
    Abraços .
    Soraya

    • Oi Soraya, que mancada minha, você tem razão. Fui olhar os posts anteriores e comentei que estava grávida, mas esqueci de falar que tinha nascido rsrsrs. Vou escrever um post atrasado sobre o nascimento. Um beijo e obrigada pelas felicitações e por acompanhar o blog. Um super beijo!

      • Como eu disse, achei tudo uma graça! Mas gostaria de saber sobre o trocador, o porta Fraldas que está pendurado, e aquele bastidor com o passarinho… Gostaria de ver como vc pendurou o porta Fraldas tbm. beijos

      • Oi Allyne, coincidentemente tudo o que você se interessou, foi feito por mim rsrsrs. Eu comprei um bastão tipo daqueles de chuveiro que são reguláveis, só que bem fininho (que vende numa loja chamada Daiso, aqui na cidade de São Paulo). Coloquei dois ganchos autoadesivos na parede e coloquei o bastão. Na falta do bastão, acho que dá para comprar varão fino de cortina e colocar os ponteiros para dar acabamento.

      • Ual! Vc está de parabéns então. Achei que ficou tudo lindo.
        Ainda não tenho bebê… Mas gostaria de saber se vc faz pra vender.
        Beijos 😘

  2. Yuka…

    Estou adorando seu blog. Estou lendo coisas bem interessantes que pretendo por em prática na minha vida, só não conseguirei com excelência que você tem.
    Estou grávida e nessa vibe de não querer excessos em relação as coisas para o bebê. Estou com quase 3 meses e ainda não comprei nada, o que o bebê tem foi presente.
    Curti bastante a sua cestinha para trocas. E principalmente, amei a sua garrafa térmica compacta. Onde posso achar uma? Eu também gostaria de fazer as trocas do bebê com água e algodão, por questão de custos e também, porque acho o lenço umedecido com muita química, cheiro muito forte, se bem que para sair é mega prático.

    Vc e o blog estão de parabéns…

    Bjs

    • Oi Cátia! Se você conseguir segurar a ansiedade de comprar as coisas, você vai ver que vai valer a pena, porque ganha-se muita coisa. Eu ganhei presentes novos e usados que foram muito úteis. Sobre a garrafa térmica, é da marca japonesa zojirushi. Não sei se você mora em São Paulo, mas tem uns parecidos no bairro da Liberdade. Eu gosto bastante dessa marca porque retém a temperatura por muitas horas. Pra você ter uma ideia, se eu esquento água à noite e coloco nessa garrafa, de manhãzinha eu ainda consigo usar porque está morninho. Beijos.

      • Bom, eu moro em RJ.
        O que pense foi essas garrafas térmicas pequenas.
        Quanto ao “ganhar muita coisa”, eu acabo preferindo não apostar, pois meu circulo de convivência é bem pequeno. Mas tenho uma amiga em SP que mandará algumas coisas usadas para mim e estou achando o máximo. Ela só está esperando eu saber o sexo para mandar, pois ela fará uma seleção pois boa parte das coisas é mega de menina…rs…
        Quanto a ansiedade, estou segurando super bem, até porque a ficha ainda não caiu. Não sei se é por eu e o marido ter esperado tanto tempo, que agora que aconteceu a gente não acredita. Acredita que nem nos emocionamos ao ouvir o coração? E como sou meio maluca e surtada, ainda tenho o receio de ir fazer a ultra e não ter nada na barriga….kkk… É tanto que pouquíssimas pessoas sabem da minha gravidez.
        E em relação a comprar as coisas para o bebê, eu acho sim muito caro sustentar uma criança, mesmo tendo lido seu artigo e concordar com muitas coisas. Sobre comprar roupas, eu acho que não vale a pena comprar um montão de coisas e tem que troca a criança 10 vezes ao dia para que ela tenha a oportunidade de usar pelo menos uma vez cada roupa. E sinceramente? Não concordo em comprar um monte de roupas caras e depois que perde ficar fazendo bazar de desapego (nada contra a quem faz) para não dar de graça, visto que custou muito caro. Enfim, doar acaba sendo mais prazeroso.
        Agora o que realmente vou gastar bem é com guarda-roupas, pois quero comprar um definitivo para usar até ficar adolescente, não curto os guarda-roupas de bebê que em no máximo 5 anos teria que ser trocado. O que quero é bem espaçoso e com varias gavetas e assim não precisarei comprar cômoda. O berço e o carrinho ganharei. A banheiro será aquela super básica, já consegui até um super para a banheira ficar alta.
        É isso, não quero entulhar o quarto, pois minha casa possui muita poeira e como eu e o marido somos alérgicos, imagino que a criança também será.

        Nossa… Um testamento…rss

        Bjs…

      • Oi Cátia! rsrs achei engraçado você ter falado “um testamento”. rsrsrs Eu também tenho um círculo de amigos bem pequeno, e achei que não iria ganhar muita coisa. Mas mesmo assim tive sorte, basicamente são 2 amigas que têm me dado bastante coisa. E isso me ajudou a encher o guarda-roupa da minha filha. Mas olha, ontem, vi uma bebê linda, toda combinando blusa e calça, e percebi como minha filha estava desengonçada (por minha culpa, claro!), blusa vermelha, calça azul e tênis rosa. É que como ela usa muita roupa ganhada, fica difícil fazer combinações estilosas rsrs. Ainda bem que não ligo para essas coisas. Sobre você não ter se emocionado no ultrassom, é super normal. Eu lembro que só me dei conta de que realmente tinha uma bebezinha dentro de mim quando eu caí de barriga pra baixo no chão (afe). Fiquei desesperada achando que podia ter acontecido o pior. Demorou 5 meses para a ficha cair. E o amor? Às vezes é amor a primeira vista, na hora do parto. Às vezes o amor vem devagar, no cuidar, no ninar, no alimentar. Eu lembro que quando a vi pela primeira vez, levei um susto porque achei ela grande, só conseguia pensar “como ela cabia dentro de mim?” rsrs… Parabéns pela sua gravidez! Que traga muita alegria e união para sua família.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s