Organizando cachecol, echarpes, lenços e cintos

Aqui está a gaveta onde guardo meus echarpes, cachecóis, lenços e cintos (a gaveta é compartilhada por mim e pelo meu marido).

Antes, era um nó doido. Os cintos se enrolavam entre eles, dava o maior trabalho na hora de usar por causa da bagunça.

Depois passei a usar um cabide específico para guardar cintos, mas também não consegui me adaptar.

E então descobri as maravilhas dessa divisória para gavetas. Agora sim, a gaveta está arrumada e mantêm-se arrumada.

cachecol2

Viver uma vida simples

lotus

Quando você decide que quer ter uma vida mais simples, isso não significa que deve renunciar e desapegar das coisas que tem.

Viver uma vida simples significa fazer escolhas que importam para você e somente para você, passar a dar valor e a ouvir o que o seu coração precisa. Se você gosta de música clássica, dane-se as pessoas que te olham de forma torta. Se você optou por não ter um carro, está tudo bem andar de ônibus mesmo você sendo chefe ou diretor de uma empresa.

Há tempos a mídia bombardeia tantas informações, confundindo nossos valores. Passamos a dar mais importância em ter um carro estiloso do que no caráter da pessoa. Mais importância em usar a roupa da moda do que valorizar a generosidade… Passamos a dar mais importância no TER do que no SER.

Eu não tenho Facebook por uma decisão tomada há alguns anos. Decidi não ter Facebook, para ter mais tempo para os meus amigos de verdade. Se for para curtir uma foto, prefiro visitar e ver as fotos junto com a pessoa. Sei todos os aniversários dos meus amigos e da minha família de cor. Claro que eu fico fora de muitas notícias interessantes, mas é o preço que eu decidi pagar por não ter Facebook.

Via tantas pessoas postando no Facebook informações que são mais para se mostrar do que para compartilhar: “olha eu em Paris”, “tirei uma foto com um jogador de futebol famoso”, “me hospedei num hotel 5 estrelas”… mas sinceramente, pra mim, os valores são outros. Valorizo muito mais tomar um café com meu melhor amigo, fazer um almoço caprichado para a minha família, fazer um piquenique num parque, um cafuné no meu marido… isso sim, pra mim é ter uma vida simples.

Não dá para ter tudo ao mesmo tempo. É necessário fazer algumas escolhas para ter uma vida simples. É necessário tomar uma decisão para escolher o que é mais importante para você, e o que trás a verdadeira felicidade.

Pra mim, ser simples é:

– saber dizer não

– saber as prioridades

– não sofrer lavagem cerebral pela mídia

– valorizar os momentos com a família e amigos

– conhecer seus limites

– valorizar o silêncio

– ter paciência

Organize seus temperos

Ultimamente ando tão viciada na minha rotuladora.. rs. Rotulo tudo, desde caixas, temperos, potes, gavetas… meu marido disse que eu fico com os olhos arregalados procurando alguma coisa pra rotular ehehe.

Desta vez rotulei meu porta-temperos. Agora não confundo mais pimenta do reino com cominho. Nem manjerona com manjericão. Nem colorífico com páprica. 😀

tempero2 tempero1

Organizando fios e cabos

Geralmente as gavetas onde guardamos fios e cabos de componentes eletrônicos são um horror. Consegui me livrar da bagunça utilizando divisórias para gavetas, adaptando os tamanhos das colmeias para cada cabo, para cada bateria, etc. Cada objeto tem o seu espaço, ou a sua “casa”, como costumo dizer.

Separar cada espaço para cada objeto, tem um sentido fundamental para controlar a bagunça, principalmente em gavetas descontroladas como esta, já que impede de você colocar em qualquer lugar. Tenho conseguido manter esta ordem há mais de 4 meses, desde que passei a usar divisórias para gavetas.

fios

Organizando o espaço embaixo da pia da cozinha

Eu já comentei em outros posts que não pretendo ficar no apartamento que moro por muito tempo.

Quando comprei, eu era solteira, por isso comprei um apartamento de 1 dormitório. Mas agora que moro com o meu marido e pretendo ter filhos daqui a alguns anos, definitivamente o meu apartamento é pequeno demais para uma família. Decidido isso, não queria gastar dinheiro com marcenaria para colocar gaveteiros embaixo da pia da cozinha. Mas também não queria deixar desorganizado, pois ainda pretendo morar uns bons 4 a 5 anos nesse apartamento.

Então fizemos o seguinte.

Medimos todo o espaço disponível que tínhamos embaixo da pia e fomos para o Peg & Faça, munido com o meu carrinho de feira. Pedimos para cortar as tábuas nas medidas que tínhamos anotado e fomos pra casa de ônibus (toda a madeira custou R$85,00. O corte é grátis). O carrinho de feira ajudou muito na hora de carregar, pois sem ele, teríamos que pegar um táxi.

Chegando em casa, tudo foi bem fácil. Prendemos tudo com prego e fomos encaixando as prateleiras. Comprei outras prateleiras pink no espaço que havia sobrado e pronto. Ficou bem funcional.

Embaixo da pia da cozinha organizado por menos de R$100,00.

piacozinha piacozinha2

Minha bolsa minimalista

Eu até ia de bolsa para o meu trabalho, até que minhas costas começaram a reclamar. Para o bem da minha coluna, passei a ir de mochila nas costas. Não fica aquela coisa linda de se ver, uma mulher de vestido e salto alto com uma mochila nas costas. Mas isso é um mero detalhe, certo?

Eu carregava o mundo na minha mochila. E após rever item por item (tirei chaveirinhos que pesavam, bloco de anotações, troquei o modelo do meu guarda-chuva), sobrou a lista abaixo do que carrego todos os dias na minha mochila:

conteudobolsa

– iPhone + fone de ouvido

– carteira

– guarda-chuva pequeno de alumínio

– caneta

– chave de casa

– suporte para pendurar bolsa

– pen-drive

– 1 batom (a necessaire com pasta e escova de dente, fica na gaveta do meu trabalho, inclusive o creme para as mãos, etc.)

– marmita

– livro impresso (quando o livro que eu quero ler não está em formato eletrônico)

O que ajudou a eliminar bastaaaante peso da minha mochila, foi o iPhone. Antes tinha que carregar muita coisa.

Vocês podem até pensar que tudo isso listado acima cabe numa bolsa. E cabe mesmo. Mas a questão é que a marmita pesa. E muito! Porque além da comida do almoço, ainda levo lanche da manhã, lanche da tarde, frutas pra comer durante o dia. A mochila da ida é bem pesadinha, mas na volta é mais tranquila.

Olha o que eu deixei de carregar por causa do iPhone:

– espelho de mão (App @Espelho)

– caderninho de anotações (App Notas e Wunderlist)

– câmera fotográfica (sim, andava com ele todos os dias)

– livro para ler no ônibus, no metrô (hoje leio e-books pelo iBooks)

– mp3

A mesma camisa, vários estilos – camisa social branca

Hoje vou mostrar como você pode montar looks incríveis usando como base a camisa branca de todo dia.

camisa0

Eu tento, na medida do possível, usar a mesma roupa de vários jeitos. Por exemplo, uso os vestidos que tenho como vestidos, mas também como saias colocando uma blusa por cima, ou até como uma blusa, colocando o vestido (de tecido levinho) por dentro da calça. As pessoas do meu trabalho acham que meu guarda-roupa é enorme, mas não é. Eu só uso a mesma roupa de várias formas.

Veja abaixo as inúmeras variações possíveis com apenas uma camisa branca…

1.) Camisa com blusa preta manga 3/4:

camisa1

2.) Camisa com coletes ou regatas:

camisa2

3.) Camisa com colares diferentes:

camisa3 camisa4 camisa5

4.) Camisa com suéter:

camisa6

5.) Camisa com cardigã:

camisa7

6.) Camisa com outra blusa de manga sobreposta:

camisa8

7.) Camisa com blusa tomara que caia:

camisa9

8.) Camisa com cintos diferentes (de elástico, cinto fininho, cinto grosso, cinto na altura do quadril, etc.):

camisa10 camisa11 camisa12 camisa13 camisa14

9.) Camisa aberta com blusa por dentro:

camisa16

10.) Camisa com echarpe ou lenço:

camisa17

11.) Camisa com mangas dobradas para um estilo casual:

camisa15